madre-teresa.jpg

DIÁLOGO INTER-RELIGIOSO

E CULTURAS DE PAZ

 

“O grande desafio de nossos dias é ajudar as pessoas a se abrirem ao transcendente. Ser capaz de olhar profundamente dentro de si e de se conhecer de maneira a ver sua interconexão com todas as pessoas. Perceber que não podemos ser isolados uns dos outros. Se quisermos ser unidos, como é nosso propósito, precisamos superar todas as formas de incompreensão, intolerância, preconceito e ódio. Como podemos fazer isso? As palavras do Buda oferecem a cada um de nós um guia: 'Supere os irados pela não-ira; supere os iníquos pela bondade; superar o avaro pela generosidade; superar o mentiroso pela verdade '(Dhammapada, XVII, 223). Sentimentos semelhantes são expressos em uma oração atribuída a São Francisco de Assis: 'Senhor, faz de mim um instrumento de sua paz. Onde há ódio, deixe-me semear amor. Onde há ferimentos, deixe-me trazer perdão ... Onde há escuridão, deixe-me trazer luz, e onde há tristeza, alegria". Papa Francisco

A Comunidade Christe é uma Comunidade de Espiritualidade Ecumênica que apoia e participa do diálogo inter-religioso e do diálogo inter-religioso monástico visando a Promoção da Paz. Entendemos que seja necessário trabalhar pela superação de todo o tipo de preconceito e intolerância religiosa. O mundo precisa de diálogo e cooperação entre todos os seus atores sociais a fim de que possamos deixar para as futuras gerações uma terra mais humana e verdadeiramente habitável. É de fundamental importância a cooperação entre as religiões e espiritualidades para o estabelecimento de culturas de paz. Nisso a oração e a meditação que une pessoas de diferentes tradições espirituais muito ajuda, pois dá testemunho de unidade e significa a abertura ao outro e o esforço por compreender a sua cultura e crescer mediante o enriquecimento da verdade que o diferente traz consigo. 

A Comunidade Christe compreende que todas as religiões são uma. Que elas ensinam uma vida divina. Que precisamos aprender a respeitas todos/as os/as santos/as, profetas e místicos/as,  de todas as religiões. O diálogo interreligioso nos aproxima entorno de temas como a paz, a misericórdia, o serviço humanitário num mundo marcado pelas guerras, intolerâncias e preconceitos, contudo, pode nos educar espiritualmente para a dissolução de ignorâncias e o aprendizado e o respeito para o valor de todas as culturas e religiões, seus cultos e pensamentos. Pode nos educar espiritualmente para aprendermos a servir juntos, amar juntos e compreender que somos todos filhos/as de Deus.

"Uma compreensão adequada da unidade essencial das religiões é o fator mais eficaz e poderoso para trazer a paz neste mundo. Ela removerá todas as diferenças e conflitos superficiais, que criam inquietação, discórdia e disputas."

- Swami Sivananda

le saux na montanha.jpg
ka.jpg
ramana.jpg
bede-g-arti-e1516685065991.jpg
amma.jpg
religião_indigena.jpg
unidade_dos_cristãos.jpg
swarasti.jpg